Inscreva-se no Site

Inscreva-se no Site

Receba todas as novidades do Mestre da Obra, basta informar o seu e-mail.

Seu e-mail está 100% seguro, não enviamos publicidade.

5 Análises Técnicas da Caixa na proposta de financiamento imobiliário

5 Análises Técnicas da Caixa na proposta de financiamento imobiliário

SAIBA O QUE O FISCAL DA CAIXA VAI ANALISAR NO SEU PROJETO

O Mestre quer que você saiba quais são as 5 Análises Técnicas da Caixa na proposta de Financiamento Imobiliário.

A finalidade desta publicação é auxiliar você a saber quais são, e qual a importância das análises técnicas no processo de financiamento imobiliário.

Para que tudo seja entendido da melhor forma possível, é essencial que você entenda a finalidade de cada análise, por isso vamos falar sobre:

  1. Análise dos Projetos de Arquitetura
  2. Análise dos Projetos Complementares
  3. Análise do Orçamento e Cronograma
  4. Análise do Memorial Descritivo
  5. Análise da Síntese do Memorial Descritivo

Ou seja, queremos que você realmente saiba quais são, e para que serve cada uma dessas 5 análises técnicas. Além de explicarmos as suas principais características.

Portanto para você entender mais sobre as análises técnicas necessárias para Financiamento Imobiliário na Caixarecomendo que você leia na sequência.

Inclusive vou deixar uma dica: Palavras em azul são links que vão levar você para uma página que fale sobre aquele determinado assunto.

Caso você tenha alguma dúvida de quais são os documentos técnicos necessários para financiamento imobiliário, recomendo que leia esta publicação:

8 Documentos Técnicos para Financiamento Imobiliário na Caixa

ANÁLISE DOS PROJETOS DE ARQUITETURA

Como já falado em outras publicações aqui no site, os projetos de arquitetura servem para representar exatamente como o imóvel deve ser construído.

Sendo assim, existem várias exigências que a Caixa Econômica Federal faz, para que o imóvel possa ser aceito como garantia de financiamento imobiliário.

Por isso é necessário que um engenheiro credenciado ao banco (Kleyson Orlando), faça uma análise para aprovação do processo de financiamento.

Portanto, os projetos apresentados deverão conter todas as informações necessárias para a caracterização da obra.

Inclusive, os atributos funcionais, formais e técnicos, devem conter exigências prescritivas e de desempenho, conforme definido na NBR ABNT nº 13.532/95 — Elaboração de projetos de edificações — Arquitetura.

Código de Obras do Município

Os projetos são analisados para garantir que o imóvel proposto siga as exigências das legislações municipais. Como por exemplo:

  • Afastamentos
  • Recuos
  • Uso do solo
  • Entre outras

Portanto, antes de dar entrada no processo de financiamento de um imóvel, você deve verificar se o projeto do mesmo cumpre as exigências da prefeitura da sua cidade.

Lembre-se de verificar a legislação local, pois cada município tem suas próprias leis.

Código Civil

Além da legislação municipal, o Fiscal da Caixa utiliza também a Lei Federal n. 10.406, para fazer as análises.

Em relação à Legislação Federal, será analisado, principalmente, o que tange a afastamentos de divisas, abertura de vãos e disposição de águas de telhado.

Vale lembrar que uma lei federal sempre sobrepõe uma lei municipal, portanto, você deve ficar muito atento ao Código Civil.

Exigências mínimas de projeto

Além de seguir as normas ABNT, leis municipais e federais, a Caixa ainda faz exigências sobre algumas questões básicas de projeto, como por exemplo:

  • Uso de laje e forro
  • Uso de revestimentos internos e externos
  • Aberturas de portas e janelas
  • Tipos de cobertura
  • Cotas e altura dos pisos
  • Calçadas de proteção
  • Entre outras

Em breve vamos lançar uma publicação explicando todos os passos para criação e elaboração de Projeto Arquitetônico para Financiamento Imobiliário na CAIXA.

Projeto Arquitetonico Exemplo 1 1 1024x520 - 5 Análises Técnicas da Caixa na proposta de financiamento imobiliário

ANÁLISE DOS PROJETOS COMPLEMENTARES

Seguindo o mesmo princípio da análise do projeto arquitetônico, o Fiscal do Banco (Kleyson Orlando) realiza uma verificação sobre os projetos complementares.

Além das normas ABNT específicas de cada projeto complementar, é analisado também as exigências mínimas da Caixa, para as instalações prediais. Por exemplo:

  • Entrada de energia
  • Entrada de água
  • Solução para esgoto sanitário
  • Método Construtivo
  • Estrutura da edificação
  • Instalações elétricas
  • Instalações hidráulicas
  • Entre outras

Dessa forma, o Fiscal da Caixa garante que o imóvel irá atender as exigências mínimas do Banco. Inclusive, seguir as normas e leis vigentes.

Sendo assim, a análise dos projetos complementares é feita para garantir habitabilidade e segurança do imóvel.

Em breve vamos lançar uma publicação explicando todos os passos para criação e elaboração de Projeto Complementares para Financiamento Imobiliário na CAIXA.

Projeto Complementar Exemplo 1 1 1024x673 - 5 Análises Técnicas da Caixa na proposta de financiamento imobiliário

ANÁLISE DO ORÇAMENTO E CRONOGRAMA

A Caixa disponibiliza uma planilha pronta de orçamento e cronograma, chamada de: “Proposta de Financiamento de Unidade Isolada”.

Essa planilha é um formato padrão da Caixa, para apresentação de propostas de financiamento imobiliário. É chamada também de PFUI-Proponente.

Portanto, sempre que for apresentar um projeto para financiamento na Caixa, deverá ser utilizado esta planilha para elaboração do orçamento e cronograma.

Além de conter o orçamento e cronograma, esta planilha ainda apresenta outras informações, como por exemplo:

  • Identificação do Proponente (pessoa que vai financiar)
  • Identificação do Responsável Técnico dos Projetos e Obra
  • ART/RRT do Projeto e Obra
  • E Identificação do Imóvel

Análise do Orçamento

A planilha PFUI-Proponente vem previamente preenchida, conforme as exigências mínimas da Caixa.

Inclusive com descrição das etapas e serviços da obra.

Veja a seguir a planilha orçamentária:

Planilha Orcamento - 5 Análises Técnicas da Caixa na proposta de financiamento imobiliário

A planilha já vem com fórmulas, e conforme você preenche os quantitativos e valores unitários, o valor total da obra é atualizado.

Além de preencher as quantidades e valores unitários, é necessário fazer uma breve observação sobre cada serviço.

Através das observações, o Fiscal da Caixa poderá fazer as análises necessárias sobre as exigências mínimas da Caixa.

No orçamento é verificado as seguintes questões:

  • Padrão de acabamento e linha dos produtos
  • Compatibilidade dos custos de cada serviço
  • Custo unitário de cada serviço
  • Quantidades mínimas de cada serviço
  • Entre outras

Análise do Cronograma

Após o preenchimento da planilha orçamentária, automaticamente é preenchido os dados do cronograma.

Restando apenas o preenchimento do percentual que deverá ser executado cada serviço, no decorrer do tempo.

Além disso é informado os meses de duração e a data de previsão de início e término da obra.

Veja abaixo a planilha de cronograma:

Planilha Cronograma - 5 Análises Técnicas da Caixa na proposta de financiamento imobiliário

Através do cronograma, o Fiscal da Caixa analisa a compatibilidade do planejamento de execução da obra e serviços, com os projetos e prazos propostos.

Além disso, é utilizada também para verificar as exigências mínimas da Caixa em relação ao cronograma, como por exemplo:

  • Percentual Executado da obra
  • Percentual mínimo de cada etapa
  • Prazo mínimo e máximo da obra
  • Entre outras

Sendo assim, a análise de orçamento e cronograma serve para verificar se a obra é exequível e cumprirá as exigências mínimas da Caixa.

Em breve vamos lançar uma publicação explicando todos os passos para criação e elaboração da Planilha PFUI-Proponente para Financiamento Imobiliário na CAIXA.

ANÁLISE DO MEMORIAL DESCRITIVO

Como já explicado em outras publicações aqui no site, o memorial descritivo serve como um manual da construção que será executada.

Este documento detalha todas as características dos projetos, especificando os materiais que serão necessários à construção da obra.

O memorial contém ainda descrições da fundação ao acabamento: estruturas, acabamentos, instalações, tudo deverá ser informado, de acordo com o que será realizado na obra.

Sendo assim, a sua análise é fundamental para compreender o processo construtivo do imóvel.

Basicamente é verificado se o memorial descritivo está de acordo com os projetos apresentados. Caso haja alguma divergência, é solicitado que seja refeito e reapresentado.

Em breve vamos lançar uma publicação explicando todos os passos para criação e elaboração do Memorial Descritivo para Financiamento Imobiliário na CAIXA.

ANÁLISE DA SÍNTESE DO MEMORIAL DESCRITIVO

Primeiramente vale ressaltar que este documento só é necessário para financiamento de imóveis prontos, e não para construção.

Caso você ainda não saiba o que é a síntese do memorial, recomendo que leia esta publicação:

8 Documentos Técnicos para Financiamento Imobiliário na Caixa

Em resumo a análise da síntese é feita para verificar a compatibilidade das informações apresentadas, em relação ao que foi verificado na vistoria do imóvel.

Por exemplo:

“Caso o imóvel apresente telhas de barro, o mesmo deverá ser indicado na síntese do memorial descritivo”.

Sendo assim, as indicações devem ser feitas para cada serviço da obra para deixar o imóvel pronto. Inclusive sobre suas fundações.

Verificação dos serviços enterrados e sobrepostos

Como não é possível verificar qual o tipo de fundação foi executado para um imóvel que já está pronto, é solicitado a síntese do memorial descritivo. Para que o Fiscal da Caixa possa ter uma garantia da execução dos serviços.

Ou seja, para um imóvel pronto é verificado se a síntese do memorial descritivo está de acordo com o imóvel vistoriado.

Dessa forma, é possível ter uma garantia de estabilidade e solidez do imóvel vistoriado.

Em breve vamos lançar uma publicação explicando todos os passos para criação e elaboração da Síntese de Memorial Descritivo para Financiamento Imobiliário na CAIXA.

Sintese Memorial Exemplo 1 - 5 Análises Técnicas da Caixa na proposta de financiamento imobiliário

O QUE MAIS VOCÊ GOSTARIA DE SABER?

Por enquanto é isso que o Mestre tem a falar para você sobre as 5 Análises Técnicas da Caixa na proposta de Financiamento Imobiliário.

Deixe abaixo perguntas sobre as dúvidas que você ainda tem, e a nossa equipe responde para você.

Caso tenha alguma sugestão de tema, pode falar pra gente. Vamos providenciar o mais rápido possível uma publicação aqui no site.

Não deixe de compartilhar essa publicação com seus amigos nas redes sociais e WhatsApp, é só clicar nos ícones abaixo, ou aqui do lado esquerdo.

Siga o Mestre nas redes sociais!

Grande abraço!

Tags: | | | | | | | |

Inscreva-se no Site

Inscreva-se no Site

Receba todas as novidades do Mestre da Obra, basta informar o seu e-mail.

Seu e-mail está 100% seguro, não enviamos publicidade.

Sobre o Autor

Kleyson Orlando
Kleyson Orlando

Com mais de 1 Milhão de m² de área construída, Kleyson Orlando é Fiscal de Bancos, Perito Judicial, e um dos grandes especialistas da Construção Civil do Brasil.

2 Comentários

  1. Nossa adorando cada matéria que leio nos site. adorando as palavras em azul.
    obrigada pelo que faz e as informações que passam para gente!

    • Obrigado Vivian!
      O objetivo do portal Mestre da Obra é justamente esse: Compartilhar conhecimento!
      Agradeço seu carinho, e estou aberto a sugestão de novos conteúdos.
      E qualquer dúvida, basta entrar em contato.
      Grande abraço,
      Kleyson


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.